Buscar

O Futuro da Construção Civil no Mundo




Em meio a preocupações crescentes com o aumento dos preços da energia, a independência energética e o impacto da mudança climática se tornaram o principal tema global, envolvendo principalmente o futuro da construção civil, as estatísticas mostram que os edifícios e industrias são os principais consumidores de energia no mundo.


Esse cenário ressalta a importância de direcionar o uso de energia para estruturas mais sustentáveis, utilizar a natureza, principalmente o sol como fonte energética é a chave para diminuir o consumo de energia dos países. O setor de construção civil pode reduzir significativamente o uso de energia, incorporando estratégias de eficiência energética no projeto. A construção e operação de novos edifícios pensando em sustentabilidade, melhora a economia energética a longo prazo, o objetivo é reduzir ainda mais a dependência de energia derivada de fontes caras e não renováveis.


Existe um projeto chamado Net Zero Energy Building (NZEB), que visa produzir tanta energia quanto é consumida ao longo de um ano, recentemente esse conceito evoluiu de uma pesquisa para a realidade. Atualmente, existe apenas um pequeno número de edifícios altamente eficientes que atendem aos critérios para serem chamados de “Net Zero”. Como resultado dos avanços nas tecnologias de construção, sistemas de energia renovável e pesquisa acadêmica, a criação de edifícios com Energia Líquida Zero está se tornando cada vez mais viável.


Como os conceitos de "energia zero" e "energia líquida zero" são relativamente novos, ainda não existem métricas de energia zero definitivas e amplamente aceitas. O Departamento de Energia (DOE) liderara grande parte do trabalho em edifícios com energia líquida zero até o momento. Hoje, em diversos países do mundo já foram apresentadas várias definições para "energia líquida zero" e isso incentiva projetistas, proprietários e operadores de edifícios a selecionar a métrica que melhor se adapta ao seu projeto.


Independentemente da definição ou métrica usada para um Edifício com Energia Líquida Zero, minimizar o uso de energia por meio de um projeto de construção eficiente deve ser um critério para o futuro da construção civil. Os princípios de construção de energia zero podem ser aplicados à maioria dos tipos de projetos, incluindo edifícios residenciais, industriais e comerciais em construções novas e existentes. Um número crescente de projetos foi desenhado e construído em vários setores de mercado e zonas climáticas.


No Brasil, projetos totalmente sustentáveis ainda são muito raros, e caros. O entrave principal ainda é econômico-financeiro, associado à visão de curto prazo por parte dos empreendedores. Soma-se a isso a reduzida oferta de financiamento específico, principalmente em momentos de dificuldades econômicas. Contudo, cada vez mais surgem projetos arquitetônicos eficientes que podem reduzir o consumo rumo à autonomia energética em edifícios.


A Velpmais, oferece a 20 anos o melhor atendimento e serviços de instalação de estrutura para aproveitar todos os recursos que o sol fornece de forma ilimitada, quer fazer uma cotação e apresentar o seu projeto para nossa equipe?


Saiba mais sobre esse mercado em nosso blog, continue acompanhando e diariamente vamos trazer mais conteúdos sobre sustentabilidade, reformas, diversas dicas, projetos e tutoriais.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo