Buscar

Medidas para reduzir consumo de energia elétrica no inverno

A principal delas é não demorar muito no banho, o uso prolongado do chuveiro elétrico pode representar um acréscimo de 25% a 35% da despesa total com a luz; a menos que a pessoa possua um sistema de aquecimento solar em sua residência.



O uso do chuveiro no modo inverno demanda, em média, 30% a mais de energia do que na posição verão. A recomendação é que o banho dure entre cinco e oito minutos. Outra dica é se programar para que ele ocorre nas horas mais quentes do dia, no final da manhã ou início da tarde, quando a temperatura está mais elevada.


Caso você não queira abrir mão do conforto, pode optar pela instalação de um aquecedor solar, que através da captação dos raios solares utiliza o calor do sol para realizar o aquecimento da água sem utilizar energia elétrica.


Confira também outras dicas importantes:


Aquecedor - mantenha janelas e portas fechadas para evitar a entrada de ar frio. Limpe os filtros com frequência e desligue o aparelho quando sair do ambiente por tempo prolongado. Nunca se deve cobrir um aquecedor elétrico, pois há risco de incêndio.


Ferro de passar roupas - acumule bastante roupas para ligar o ferro o mínimo de vezes possível. Comece pelos tecidos mais leves, para aproveitar o calor do aparelho para as roupas mais grossas.


Máquina de secar roupas - se puder, seque as roupas ao ar livre. Caso precise usar a máquina, coloque a quantidade máxima indicada no manual para reduzir o esforço que o eletrodoméstico precisará fazer. Além disso, mantenha o filtro sempre limpo.


Geladeira - ajuste o termostato de acordo com a época do ano, mantenha a borracha de vedação em bom estado, não deixe a porta aberta por muito tempo, não guarde alimentos quentes e não seque roupa atrás do eletrodoméstico.


Fonte: G1

9 visualizações